Sejam bem-vendes a Sabrina Carpenter News Brasil! Nosso site não tem nenhum tipo de contato com a Sabrina, sua família, amigos ou representantes. Todo conteúdo posto aqui é exclusivo de SCNBR! Caso pegue algo, deem os devidos créditos. Site de fã para fça sem fins lucrativos.

Em 14 de abril de 2015, era lançado pela Hollywood Records o seu primeiro álbum de estúdio intitulado “Eyes Wide Open”. Seu primeiro single do álbum foi “We’ll Be the Stars”, que foi lançado dia 13 de janeiro, ou seja, quase 3 meses antes do lançamento oficial do disco.

O primeiro álbum da Sabrina foi bem recebido pela crítica, em entrevista para o site Headline Planet, o cantor Brian disse:  “Decididamente solto em construção, mas rico em personalidade, ‘Eyes Wide Open’ fornece Carpenter com uma oportunidade para estabelecer sua própria identidade e deixar sua própria marca”. Cantor acreditava que as canções mais fortemente produzidas colocava Carpenter em desvantagem, a jogando contra seus pontos fortes. Em particular, ele destacou “Eyes Wide Open” e “We’ll Be The Stars” como as canções mais fracas do álbum por não mostrar talentos e personalidade de Sabrina para seu pleno potencial. 

No quesito sucesso o álbum estreou no número 43 na Billboard 200, número 31 na Billboard Top Álbum Sales, e número 14 no Billboard Digital Albums. Segundo a Billboard e Soundscan, o disco “Eyes Wide Open” vendeu mais de 12.000 Mil cópias somente em sua primeira semana de lançamento!

O álbum conta com 12 faixas que são elas:

“Eyes Wide Open”  

“Can’t Blame a Girl for Trying”  

“The Middle of Starting Over”


“We’ll Be the Stars” 

“Two Young Hearts”  


“Your Love’s Like”  


“Too Young”  


“Seamless” 

“Right Now”  


“Darling I’m a Mess”  


“White Flag”  


“Best Thing I Got”  

No dia 14 de outubro de 2016, a Sabrina Carpenter lança para todo o mundo o seu segundo álbum de estúdio intitulado “Evolution”, e no mesmo mês no dia 18 a cantora começava uma turnê que levava o mesmo nome. O primeiro single do novo disco foi a canção On Purpose”, que foi lançada dia 29 de julho de 2016. A música “Run And Hide” foi o seu segundo single lançado dia 30 de setembro de 2016.

Já no dia 7 de outubro a loirinha lança o seu terceiro single, intiulado “Thumbs”, que no dia 3 de janeiro de 2017 se torno single oficial. O disco também foi bem recebido pela critica especializada, foi elogiado por sua maturidade vocal e a evolução da Sabrina.

“prova que ela não é apenas outra Disney querida que transita por sua adolescência” e que o álbum” mostra o crescimento de Sabrina como compositora e vocalista”- Christine M. Sellers, do The Celebrity. O segundo disco conta com 10 faixas que são:


On Purpose” 


“Feels Like Loneliness”  


Thumbs”  


“No Words”  


“Run and Hide”  


“Mirage”  


“Don’t Want It Back”


“Shadows” 


“Space”  

“All We Have Is Love”  

Em 9 de novembro de 2018, a Sabrina Carpenter surpreende e lança o seu terceiro álbum de estúdio intitulado “Singular: Act I”, pela gravadora Hollywood Records, esse novo disco é a primeira parte. O primeiro single foi lançado dia 6 de junho de 2018 que se chama “Almost Love”, já o segundo single intitulado “Sue Me” foi enviado para a rádio mainstream em janeiro de 2019. Na sequencia foi lançado dois singles promocionais, que se chamam “Paris” e “Bad Time”, no 24 de outubro de 2018.

No ano de 2019, a Sabrina Carpenter lança a Singular Tour, para divulgar as duas partes do álbum, que por sinal foi um sucesso em todas plataformas em vendas, o álbum foi descrito como dance-pop.

“Um hino nervoso”. A música contém “assobios intermitentes e bateria” e é sobre um relacionamento pronto para dar o próximo passo. “Paris” é “uma ode à cidade do amor”, que lembra a cantora de um amante de Los Angeles, enquanto a mesma está em Paris. “Hold Tight” é uma música “R & B” furtiva e vagamente retrô, que é a única colaboração do álbum. “Sue Me” é descrita como um “beijo atrevido” que fala sobre o fim de um relacionamento” – Mike Nied do Idolator sobre a música Almost Love“.

“Prfct” é uma música que fala sobre a realidade do amor” -Sabrina Carpenter.

O disco conta com 8 faixas que são:


Almost Love”  


Paris”  

“Hold Tight”  

Sue Me”  

“prfct”  


“Bad Time”  

“Mona Lisa”  


“Diamonds Are Forever”  

No dia 19 de julho de 2019, era lançado o quarto álbum de estúdio da Sabrina Carpenter, intitulado “Singular: Act II “a cantora escreveu e gravou as músicas nos anos de 2017 a 2019, no mesmo período em que estava produzindo o Act I. O disco teve três singles   “Pushing 20”, “Exhale” e “In My Bed”, além de um single promocional “I’m Fakin”. O disco contou com a participação do rapper americana Saweetie.

Depois que escrevi o Singular, que era um álbum inicialmente, ele se tornou dois álbuns ao longo do tempo. Descrevo o Act II como o Act I de cabeça para baixo, onde o Act I faz você se sentir confortável consigo mesmo e o Act II faz com que você se sinta um pouco desconfortável consigo mesmo, da maneira que precisamos para crescer. É isso e também é um lado mais vulnerável da confiança. Também há confiança em ser vulnerável e também existe força nesse lado mais fraco seu, você deve apenas deixar suas emoções se soltarem. –

Sabrina Carpenter sobre a diferença do Singular: Act II para o Act I

O álbum é sucesso e recebeu ótimas críticas de especialistas na música, ele estreou no número 138 na Billboard 200 dos EUA.

O disco conta com 9 faixas que são:


“In My Bed”  


“Pushing 20”  


“I Can’t Stop Me” (com participação de Saweetie)


“I’m Fakin”  


“Take Off All Your Cool”  


“Tell Em”  


Exhale”  

“Take You Back”  


“Looking at Me”  

FONTE: wikipedia / Adaptação o nosso SCNBR.